COFCO International diz apostar na sustentabilidade para impulsionar o crescimento da oferta agrícola

“A Sustentabilidade e a Tecnologia irão moldar, em grande parte, a forma como os países abordam sua agricultura”, afirma Marcelo Martins, vice-presidente e líder da divisão de grãos e oleaginosas da COFCO International. Essas e outras considerações foram feitas pelo executivo durante um painel de discussão na Conferência FT Commodities, organizada pelo jornal Financial Times.

Marcelo e outros palestrantes participaram do painel intitulado “O início de um superciclo de commodities agrícolas”, onde foram discutidas as perspectivas de oferta e demanda, os maiores impulsionadores da mudança e também onde estarão as maiores oportunidades após um forte movimento de commodities agrícolas nos últimos meses. 

“Acho que a grande transformação está vindo da tecnologia. Acredito que a tecnologia terá um impacto muito maior no crescimento da oferta do que a área plantada tradicional”, disse Marcelo, que também aposta na sustentabilidade como grande impulsionador da oferta agrícola: “A sustentabilidade veio para ficar e para mudar a forma como vemos o crescimento da produção”, acrescentou. 

Sustentabilidade no Brasil 

Embora a produção de soja deva continuar a crescer significativamente, Marcelo disse que o Brasil pode aumentar sua produção em pastagens já desmatadas para a pecuária. 

O Cerrado possui mais de 25 milhões de hectares dessas terras. E com os incentivos certos, incluindo compensação por não desmatamento, a conversão de florestas virgens e vegetação nativa pode ser evitada. “E acho que é aqui que o país vai dar mais atenção porque vai dar suporte à discussão da sustentabilidade”, disse Marcelo. 

“Selecionamos o Brasil como nossa maior prioridade para a sustentabilidade. “Nossa presença é muito forte e nosso programa no País é muito grande, então queremos ter certeza de que teremos as conquistas mais significativas lá”, afirma o executivo. 

O trabalho de sustentabilidade da COFCO inclui um empréstimo de US$ 2,3 bilhões, em que os pagamentos estão vinculados à obtenção da rastreabilidade da soja, além de projeto de colaboração com a International Finance Corporation (IFC) – membro do Grupo Banco Mundial – na região de Matopiba e participação no Soft Commodities Forum (SCF), entre outras ações.   

Os membros do SCF têm como objetivo reduzir e, eventualmente, eliminar a conversão da vegetação nativa em suas cadeias de abastecimento de soja no Cerrado, uma meta que a COFCO International apoia. “O fórum tem metas muito ambiciosas”, aponta Marcelo. 

O executivo disse que a COFCO International atingiu as metas de SCF com antecedência, ao atingir 100% por cento de rastreabilidade em todos os seus 25 municípios prioritários do Cerrado em 2020.  

Finalmente, o novo Padrão de Soja Livre de Conversão da COFCO International permitirá que ela forneça soja de acordo com as datas de corte específicas exigidas pelos clientes, cujo interesse em soja de origem sustentável vem crescendo consideravelmente. 

You might also like

COFCO International adquire Certificação RTRS para sua originação de soja responsável no Brasil

A COFCO International recebeu a certificação RTRS para suas unidades no Brasil, assegurando que a soja originada, processada e comercializada pela empresa no País é oriunda de fornecedores certificados e que produzem soja de forma responsável, atendendo a rígidos critérios sociais e ambientais, com zero desmatamento e zero conversão. A certificação abrange as unidades de armazenamento e processamento de soja da empresa, bem como suas operações em terminais portuários e escritórios comerciais.

COFCO International adquire certificação RenovaBio para suas plantas de biodiesel e etanol

A COFCO International acaba de finalizar o processo que lhe concedeu a certificação RenovaBio, a nova Política Nacional de Biocombustíveis do Ministério de Minas e Energia, cujo objetivo é expandir a produção de biocombustíveis no Brasil com base na previsibilidade e na sustentabilidade ambiental, econômica e social. A certificação é um passo importante para a COFCO International na busca pela expansão eficiente de suas usinas de biodiesel e etanol, ao mesmo tempo que contribui para as metas de redução de emissões de gases causadores do efeito estufa na produção, comercialização e uso de combustíveis fósseis. Dessa forma, a empresa reforça ainda mais seus compromisso com a sustentabilidade de suas operações.

COFCO International obtém novo empréstimo vinculado à sustentabilidade

A COFCO International anunciou hoje a assinatura de um acordo para um novo empréstimo vinculado à sustentabilidade no valor de US$ 700 milhões. O novo empréstimo possui um prazo de três anos e foi acordado com sete bancos globais: Agricultural Bank of China (ABC), Australia and New Zealand Banking Group (ANZ), Banco Bilbao Vizcaya Argentaria (BBVA), Bank of China (BOC), China Construction Bank (CCB), China Development Bank (CDB) and Industrial e Commercial Bank of China (ICBC)